Radio Papo Cabeça

Radio Papo Cabeça
Informação com Responsabilidade

Videos

Loading...

domingo, 8 de setembro de 2013

Dez dicas para escolher um curso superior


Dez dicas para escolher um curso superior

Muitos alunos, ao concluírem o ensino médio - e mesmo enquanto ainda estão cursando -passam pela grande dúvida de como escolher o curso superior. Poucos possuem uma ideia formada de carreira, embora existam aqueles que já demonstrem certa paixão  ou interesse por determinada profissão. E mesmo aqueles que sabem qual carreira seguir podem se perguntar se aquela profissão é realmente a mais indicada, se terá o retorno financeiro esperado e se trará satisfação profissional. Nessa fase, são muito comuns as dúvidas sobre como será sua vida profissional, se seus sonhos e anseios se tornarão realidade após a formatura.

Levando isso em consideração, preparamos para vocês uma lista com dez dicas fundamentais para determinar qual a melhor opção na hora de escolher o curso de graduação.
1-    Faça testes vocacionais.
Normalmente, esse tipo de teste traz excelentes resultados e auxilia o aluno a decidir qual é o curso que tem maior relação com a sua personalidade e com as suas aspirações para o futuro. Faça quantos testes achar necessário e seja muito sincero com suas respostas. Possivelmente, ao realizar testes diferentes e em épocas diferentes, mais de uma profissão será indicada e isso poderá trazer algumas dúvidas. É nessa hora que a segunda dica fará a diferença
2-    Analise as grades curriculares.
A segunda dica tem relação com a pesquisa das grades curriculares de cada curso de graduação. Quando se realizam testes vocacionais, por mais eficientes que eles sejam, algumas dúvidas costumam aparecer. Uma boa solução para este problema é pesquisar o que cada curso de graduação oferece. As disciplinas específicas de cada graduação são de extrema importância para o aluno decidir se quer ou não seguir aquela carreira.
3-    Converse com profissionais que já se formaram.
Para ter uma ideia mais ampla sobre os cursos de graduação, uma dica importante é conversar com os profissionais que já se formaram. Aqueles que já se formaram possuem uma ideia mais clara sobre o curso e o mercado de trabalho, podendo, assim, auxiliar nas suas escolhas.
4-    Não se sinta preso.
Ao escolher um curso superior, muitos pensam ser uma decisão definitiva. O que não é verdade! Muitas universidades oferecem formas de transferência de um curso para outro, ou mesmo de uma universidade para outra e as matérias consideradas equivalentes não precisarão ser cursadas novamente. Se você achar que fez a escolha errada, nunca é tarde para buscar o que realmente deseja.
5-    Analise as suas prioridades.
Muitos alunos desejam fazer determinado curso, mas descobrem que a universidade que oferece tal graduação está localizada em uma cidade distante, ou mesmo em outro estado, o que dificultaria o acesso. Por isso, ao escolher qual curso fazer, o aluno deve procurar analisar quais são as suas prioridades, se tem preferência por localização, se pretende cursar uma faculdade pública ou privada, etc. 

 6-    Pesquise o mercado de trabalho.
Ao escolher um curso de graduação, deve-se pesquisar sobre o mercado de trabalho daquela profissão. O dilema de escolher entre a profissão desejada e aquela que trará maior recompensa financeira é enfrentado por muitos jovens. Por outro lado, de nada adianta cursar uma graduação em que dificilmente o aluno conseguirá um emprego depois de formado. Por isso, aluno deve procurar uma graduação que tenha relação com a sua personalidade, mas não pode esquecer que também deve trazer algum retorno financeiro.
7-    Pense sozinho.
Muitas pessoas costumam dar opiniões a respeito do curso que deve ser realizado. Conselhos de pessoas próximas a você são bem-vindos, mas não escolha o curso A ou B porque alguém sonhou com isso. Pense por você mesmo e decida o que será melhor para a sua vida profissional. Independente da escolha, aqueles que realmente estiverem ao seu lado vão apoiar sua decisão.
8-    Não deixe a escolha pra última hora.
Procure ler bastante sobre os cursos e as faculdades que você deseja fazer, analise todos os pontos positivos e negativos com antecedência. Ao deixar essa escolha para última hora você pode se sentir pressionado e tomar uma decisão diferente daquela que tomaria se tivesse pensado com calma.

9-    Verifique o credenciamento do MEC.

Um ponto muito importante é verificar se a universidade escolhida possui credenciamento junto ao Ministério da Educação (MEC) e se o curso está autorizado a ser ministrado pela universidade. O MEC disponibiliza essas informações no seu site e pode ser acessado por qualquer pessoa.
10-    Faça cursos profissionalizantes.
Apesar de não ser válida para todos os cursos, essa dica pode ser de muita utilidade para aqueles alunos que ainda estão perdidos e não sabem qual a melhor graduação a ser feita. Muitos cursos profissionalizantes, principalmente os cursos técnicos, abrangem vários pontos que serão abordados também na graduação. Ao optar por fazer um curso técnico antes da graduação, o estudante pode perceber que aquela área é a que mais se encaixa no seu perfil e nas suas necessidades profissionais. 



Nenhum comentário:

Postar um comentário